Ciência é INVESTIMENTO! Vamos transformar o Brasil em uma Nação rica e forte!

MUDANÇA EM CÉREBROS FEMININOS EM SINCRONIA COM HORMÔNIOS: A Razão Da TPM!

MUDANÇA EM CÉREBROS FEMININOS EM SINCRONIA COM HORMÔNIOS: A Razão Da TPM!

Edição Vol. 4, N. 1, 01 de Novembro de 2016

DOI: http://dx.doi.org/10.15729/nanocellnews.2016.11.01.005

Toda vez que uma mulher entra no período da menstruação podem ocorrer mudanças de humor, sensibilidade trocada e temperamento explosivo e, ao homem, resta – todo cuidado é pouco! Uma vez por mês, muitas mulheres passam pela TPM, ou tensão pré-menstrual, resultante da variação de hormônios envolvidos com a reprodução e preparação do útero para o recebimento do embrião. Se este não vem, o útero descama-se e inicia o sangramento. Todo esse processo é seguido pela variaão de estrogênio e, com ele, o humor da santa paciência feminina! Agora, comprovada cientificamente! Elas, têm razão, nós, sua atenção. 

Nova pesquisa do Instituto Max Planck mostra que em mulheres, em paralelo ao ritmo do nível de estrogênio ao longo de seu ciclo menstrual, as estruturas do hipocampo variam – uma área do cérebro que é crucial para as memórias, humor e emoções.

Embora já se soubesse há algum tempo que o cérebro não permanece rígido em sua estrutura mesmo na idade adulta, os cientistas do Instituto Max Planck para Ciências Cognitivas Humanas e Cérebro, liderados pela Dra Claudia Barth, fizeram uma descoberta surpreendente: O cérebro não só é capaz de se adaptar àS condições de mudanças em processos de longo prazo, mas pode fazer isso todos os meses. Os pesquisadores observaram que nas mulheres, em paralelo ao ritmo do nível de estrogênio ao longo de seu ciclo menstrual, as estruturas do hipocampo variam – uma área do cérebro que é crucial para as memórias, humor e emoções (Figura 1).

 screen-shot-2016-12-19-at-7-48-36-pm

Figura 1: Paralelamente ao ritmo do nível de estrogênio ao longo de seu ciclo menstrual, as estruturas do hipocampo das mulheres variam (em amarelo). Esta área do cérebro é crucial para memórias, humor e emoções, motivo pelo qual a Tensão Pré-Menstrual (TPM) ocorre.

Cada mês, as mulheres experimentam o aumento e diminuição dos hormônios durante o ciclo menstrual. E de mês para mês essas variações parecem não apenas influenciar a mudança entre os dias férteis e inférteis. Os níveis hormonais flutuantes também alteram a estrutura do cérebro em uma regularidade surpreendente, como demonstrado pelos resultados do estudo sobre a influência hormonal na estrutura do cérebro no Instituto Max Planck para Ciências Cognitivas Humanas e Cérebro em Leipzig, na Alemanha (1).

Os cientistas descobriram que, paralelamente ao aumento dos níveis de estrogênio que levam à ovulação, o hipocampo também aumenta em volume – o volume da matéria cinzenta (onde estão presentes os corpos dos neurônios), bem como o da substância branca (relacionado com as células gliais e conexões entre os neurônios). Como essas flutuações das estruturas cerebrais afetam precisamente o comportamento e habilidades cognitivas específicas permanece um mistério (1). Mas os neurocientistas têm uma teoria: “O hipocampo tem um papel crucial em nossas memórias, nosso humor e nossas emoções. Em camundongos já foi provado que não é apenas essa estrutura cerebral, mas também comportamentos diferentes que estão subjacentes a um tipo de ciclo mensal” (1).

Se essas observações são também válidas para seres humanos têm de ser comprovadas com mais estudos. Depois de testar os resultados deste primeiro estudo piloto sobre a conexão entre o nível de estrogênio e do hipocampo em um grupo maior de participantes do estudo, os pesquisadores irão analisar os efeitos sobre o comportamento. “Se parece, por exemplo, que as mulheres em certas fases de seu ciclo são particularmente receptivas, essas mulheres poderiam ser submetidas a terapia”, explica. Isso poderia acontecer em um momento específico, quando uma mulher está em condições de fazê-lo.” (1)

Com essas descobertas, os neurocientistas estabeleceram as bases para o seu objetivo geral: Investigar as relações do transtorno disfórico pré-menstrual (TDPM, a TPM como é popularmente conhecida), transtorno que afeta uma em cada doze mulheres nos dias que antecedem a época do mês. Estas mulheres queixam-se de graves sintomas físicos e psicológicos, tais como apatia ou variações de humor comparáveis a um episódio depressivo. Para obter uma melhor compreensão deste transtorno, primeiro é preciso descobrir qual ritmo mensal o cérebro de uma mulher saudável segue. Só então será possível revelar as diferenças entre as pessoas afetadas pelo PMDD.

Fonte: Instituto Max Planck

Referência

 

1.Barth C, Steele CJ, Mueller K, Rekkas VP, Arelin K, Pampel A, et al. In-vivo Dynamics of the Human Hippocampus across the Menstrual Cycle. Scientific reports. 2016;6:32833.

Print Friendly

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>