Ciência é INVESTIMENTO! Vamos transformar o Brasil em uma Nação rica e forte!

HOMENAGEM AO GRANDE CIENTISTA QUE FOI PROF. DR. SÉRGIO HENRIQUE FERREIRA

HOMENAGEM AO GRANDE CIENTISTA QUE FOI PROF. DR. SÉRGIO HENRIQUE FERREIRA

Edição Vol. 3, N. 13, 20 de Julho de 2016

DOI: http://dx.doi.org/10.15729/nanocellnews.2016.07.21.007

Sérgio Henrique Ferreira (Franca, 4 de outubro de 1934 – Ribeirão Preto, 17 de julho de 2016) foi um médico e farmacologista brasileiro, notável pela sua descoberta dos fatores potenciais de Bradicinina, peptídeo extraído do veneno da Bothrops jararaca (Jararaca-da-mata), o que possibilitou o desenvolvimento do captopril e conduziu para melhorar as drogas anti-hipertensivas. Foi membro da Academia Brasileira de Ciências desde 29 de março de 1984. Foi Presidente da Sociedade Brasileira para o Progresso da Ciência (SBPC) no período de 1997 a 1999, tendo recebido da entidade o título de seu presidente de honra.

Screen Shot 2016-07-21 at 11.40.41 AM

Morreu em 17 de julho de 2016, aos 81 anos, de insuficiência respiratória. O Prof. Dr. Sérgio Henrique Ferreira diplomou-se médico em 1960 pela Faculdade de Medicina de São Paulo. Em 1961 começou a trabalhar no Departamento de Farmacologia da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto sob a orientação do Prof. Rocha e Silva, e detectou no veneno da Bothrops jararaca uma substância que potenciava intensamente os efeitos farmacológicos da bradicinina. Estes estudos foram o ponto de partida para o desenvolvimento da mais nova classe de substância hipotensora existente atualmente em Medicina. Cientistas de indústrias internacionais de medicamentos baseados em observações do Prof. Ferreira desenvolveram um medicamento sintético e com vantagens sobre as substâncias presentes no veneno da jararaca pois era mais potente e podia ser administrada oralmente. Este grupo de substâncias é conhecido como inibidores da conversão da angiotensina pois no organismo não permite a conversão da angiotensina I em angiotensina II sendo esta a forma ativa em promover hipotensão. Hoje existem mais de 20 substâncias semelhantes, sendo a primeira sintetizada pela Squibb (Captopril, Capoten no Brasil) cuja venda mundial ultrapassa a cifra de 8 bilhões de dólares. Mas o uso deste medicamento tende a aumentar pois recentemente descobriu-se que na insuficiência cardíaca e na lesão devido ao infarto do miocárdio, a potenciação dos efeitos da bradicinina possui um efeito cardioprotetor. Por estes estudos o Prof. Ferreira juntamente com os cientistas da Squibb, Drs. Ondetti e Cushman recebeu em 1983 o Prêmio CIBA AWARD FOR HYPERTENSION RESEARCH outorgado pela American Heart Association. Recentemente, 1990, a Sociedade de Hipertensão Norueguesa instituiu o Prêmio “Ferreira Award” para os pesquisadores cujas pesquisas se sobressaíssem na área de hipertensão.

Todavia o Prof. Ferreira também é reconhecido internacionalmente por sua contribuição na área de analgésicos anti-inflamatórios. Ele participou nos experimentos pioneiros que levaram ao descobrimento do mecanismo de ação das drogas do tipo da aspirina conjuntamente com o Prof. John R. Vane o qual por sua contribuição nesta área ganhou o Prêmio Nobel de Medicina de 1982. O seu grupo de pesquisa, em Ribeirão Preto, descobriu o mecanismo de ação analgésica periférica da dipirona e propôs o desenvolvimento de drogas opiáceas de ação periférica. Estes estudos têm levado ao desenvolvimento de novas substâncias analgésicas de ação periférica. Pelos seus trabalhos em inflamação e analgesia recebeu em 1990 “The Scientific Merit Award” dada pela Interamerican Society for Clinical Pharmacology and Therapeutics. Como reconhecimento pela sua carreira científica recebeu The Award of the Third World Academy of Sciences.

O Prof. Ferreira também exerce um papel de liderança na comunidade científica brasileira e teve contribuído com a Saúde Pública brasileira através sua participação em comissões e órgãos públicos relacionados com o Controle de Medicamentos. Ele foi Presidente da Sociedade Brasileira de Farmacologia e Terapêutica Experimental, Presidente da Federação de Sociedades de Biologia Experimental (FESBE) que congrega as mais importantes sociedades da área biomédica experimental. É um dos fundadores e um dos diretores do Brazilian Journal of Medical and Biological Sciences, a revista brasileira de maior impacto internacional na área de biociências. O Prof. Ferreira foi Presidente da Comissão Nacional de Medicamentos (1988-1989) e Vice-Diretor e Diretor do Instituto Nacional de Controle de Qualidade em Saúde da Fundação Oswaldo Cruz (1989-1990).

Há trinta anos o Prof. Ferreira foi professor do Departamento de Farmacologia da Faculdade de Medicina de Ribeirão Preto, onde fez toda sua carreira universitária e científica. Sob sua orientação formaram-se em pós-graduação em Farmacologia 16 mestres e 12 doutorandos. Possui mais de 160 publicações em revistas científicas internacionais.

Pela relevância de seus trabalhos científicos recebeu em 1990 The Scientific Merit Award oferecido pela Intaramerican Society for Clinical Pharmacology and Therapeutics e a The Award of The Third World Academy of Sciences.

É membro da Ordem Nacional do Mérito Científico, na classe da Grã-Cruz e é membro do Conselho de Ciência & Tecnologia da Presidência da República.
Recentemente foi eleito Presidente da Sociedade Brasileira para Progresso da Ciência (SBPC).

Publicações Selecionadas

FERREIRA, S. H. 1972 . Prostaglandins, aspirin-like drugs and analgesia. Nature New Biology. vol. 240 , p. 200 – 203 

FERREIRA, S. H. and NAKAMURA, M. 1979 . II-Prostaglandins hyperalgesia: the peripheral analgesic activity of morphine, enkephalins and opioid antagonists. Prostaglandins. vol. 18 , p. 191 – 200 

FERREIRA, S. H. , LORENZETTI, B. B. , BRISTOV, A. F. and POOLE, S. 1988 . Interleukin-1b as a potent hyperalgesic agent antagonized by a tripeptide analogue. Nature. vol. 334 , p. 698 – 700 

FERREIRA, S. H. , DUARTE, I. D. G. and LORENZETTI, B. B. 1991 . The molecular mechanism of action of peripheral morphine analgesia: stimulation of cGMP system via nitric oxide release. European Journal of Pharmacology. vol. 201 , p. 121 – 122 

FERREIRA, S. H. , LORENZETTI, B. B. and POOLE, S. 1993 . Bradykinin initiates cytokine mediated inflammatory hyperalgesia. Brazilian Journal of Pharmacological. vol. 110 , p. 1227 – 1231 

FERREIRA, S. H. and LORENZETTI, B. B. 1994 . Glutamate spinal retrograde sensitization of primary sensory neurons associated with nociception. Neuropharmacology. vol. 33 , p. 1479 – 1485 

Fonte: Anais da Academia Brasileira de Ciências http://www.abc.org.br/resultadoPT.php3?codigo=sferreira

Print Friendly

Deixe uma resposta

O seu endereço de email não será publicado Campos obrigatórios são marcados *


*

Você pode usar estas tags e atributos de HTML: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <strike> <strong>